“Charles James: Beyond Fashion”, Nova York

A mostra inaugural do renovado Costume Institute, no Metropolitan em Nova York, examina a carreira do legendário estilista Charles James (1906-1978), focando em seu processo de criação que incluía um approach matemático e científico para construir vestidos revolucionários que influenciam a moda até os dias de hoje.

Inglês radicado nos Estados Unidos, James começou no mundo fashion fazendo chapéus usando um pseudônimo para não envergonhar o pai, um militar tradicionalíssimo. Logo depois, passou a criar vestidos em Londres e Paris, mas descobriu que não seria fácil competir com a moda europeia e decidiu, então, abrir seu negócio em Nova York. Lá o sucesso foi gigantesco.

Charles foi o único estilista americano a se dedicar exclusivamente à alta-costura, fazendo modelos sob medida para socialites e atrizes sem limites de orçamento. Entre as importantes mulheres que vestiu, estavam Millicent Rogers, Doris Duke, Coco Chanel e Elsa Schiaparelli. Com um gênio difícil, o estilista compensava na genialidade ao criar verdadeiras obras arquitetônicas em tecido, o que geralmente custava o conforto de quem usava seu trabalho, já que arames e outras peças eram matematicamente dispostas para sustentar todas as estruturas. “Não me preocupo com conforto, mas com a imagem. Dou às mulheres o corpo que elas jamais teriam naturalmente. A alta-costura lhes devolve uma idade que o tempo lhes roubou, e isso tem um preço”, declarou certa vez James.

Foi um sucesso retumbante nos anos 40 e 50, mas não sobreviveu à chegada do conforto na década de 60. Nomes como Christian Dior e Cristóbal Balenciaga o consideravam um dos maiores costureiros do mundo e se inspiravam em seu trabalho.

Sobre a mostra

A mostra começa dedicada às formas quase arquitetônicas dos vestidos de bailes de James, feitos entre as décadas de 40 e 50. Outros momentos da exposição são os desenhos, estampas, amostras e trabalhos parcialmente concluídos do estilista que estavam em seu último studio em Nova York, no Chelsea Hotel. A evolução e metamorfose de seus designs através das décadas, também é amplamente explorada, e animações em vídeo ilustram como ele criou anatomicamente vestidos que esculpiam e reconfiguravam a forma feminina. Aproximadamente 65 dos mais notáveis trabalhos do estilista são apresentados para que o público possa entender todas as etapas de seu processo criativo.

 

“Charles James: Beyond Fashion”

Até 10/8

http://www.metmuseum.org/