“Rimes Rhymes”, Lou Reed

O cantor, compositor e guitarrista norte-americano Lou Reed deixa os holofotes dos palcos de lado por um breve momento e expõe trabalhos inéditos na Frank Landau Gallery, Frankfurt, Alemanha. Ninguém diria que uma das maiores figuras do cenário musical, que inclusive gravou recentemente uma canção com a banda de rock Metallica, tem como paixão, além da música, a arte da fotografia. O artista acaba de lançar o livro “Rimes Rhymes”, inaugurando uma incrível exposição fotográfica em Frankfurt.

Lou Reed, considerado pela Revista Rolling Stone um dos melhores guitarristas de todos os tempos, mostra seu talento – até então, escondido – para lidar com a fotografia. O ex-vocalista do The Velvet Underground, banda de rock de vanguarda da década de 60, também possui um talento inegável para a arte de fotografar. Para o músico, registrar um determinado momento com uma câmera fotográfica é exatamente o mesmo que fazer música, pois elas são como guitarras. Reed costuma privilegiar paisagens naturais e urbanas.

Reed teria começado a fotografar ainda nos anos 60 e é completamente apaixonado por tudo que envolve o universo das câmeras, conhecendo todas já inventadas por nome e modelo. Em 2010, o artista apresentou algumas de suas obras no Centro de Congresso do Estoril, expondo algumas das milhares de fotos que ele tem tirado ao longo dos últimos anos. Dessa vez, Reed lança seu novo livro chamado “Rimes Rhymes”, inaugurando uma incrível exposição de suas fotos na Frank Landau Gallery, em Frankfurt. Segundo ele, seu talento é fruto de instinto aliado à técnica. Reed aprecia mais as câmeras digitais, pois consegue um aprimoramento ainda maior por poder tirar a mesma foto quantas vezes for necessário, além de conseguir alcançar a luz ideal para a captura de uma determinada imagem.

 

www.franklandau.com